22
Jan 12
  • Imprimir

Prof.ª Ms. Elizângela Carrijo

Durante muitos anos o projeto Abrigos da Memória  foi xoordenado pela Prof.ª Dr.ª Nancy Alessio Magalhães. Seu objetivo era interpretar a história da construção de Brasília e seu entorno, como capital e como metrópole regional, através de relatos orais, materiais escritos e visuais, obtidos pela relação dialógica entre pesquisadores e pesquisados, homens e mulheres moradores de localidades que guardam não só vestígios de acampamentos de empresas construtoras, instaladas nessa cidade nas décadas de 50-60, como também de outros contextos culturais e históricos, anteriores à criação dessa capital e de terras estrangeiras.

A Prof.ª Elizângela Carrijo, ao assumir a coordenação do projeto, verificou a necessidade de organização da documentação produzida ao longo dos anos de pesquisa.Sendo assim, atualmente, o projeto Abrigos da Memória se configura como uim projeto de extensão e se dedica a  organizar, tratar e preservar o acervo do Núcleo de Estudos da Cultura, Oralidade e Memória (Necoim/ CEAM/ UnB), para disseminar e democratizar o acesso de conteúdo cultural à sociedade. Para isso, realiza as atividades por meio do Projeto de Extensão de Ação Contínua (PEAC), chancelado pelo Decanato de Extensão da Universidade (DEX/ UnB), intitulado Abrigos da Memória na Região de Brasília . Embora as atividades não sejam realizadas com o envolvimento das comunidades externas, o projeto tem foco direcionado a elas como público diretamente beneficiado. Desde 2011, esse PEAC tem envolvido profissionais voluntários e estudantes universitários do curso de Museologia para planejar e realizar as atividades de gestão dos mais de 20 metros lineares dos documentos do núcleo. Dentro das normas da extensão universitária, o projeto tem recorrido aos conhecimentos especializados e voluntários da bibliotecária Edina Rodrigues Lima e dos arquivistas Luciene Carrijo e Cleuter Godinho do Nascimento. Essa ação multidisciplinar e aproximação com variados profissionais da Ciência da Informação buscam criar caminho de diálogo entre as áreas e garantir qualidade aos procedimentos técnicos nos diversos suportes informacionais do acervo (teses, dissertações, livros, periódicos, documentos administrativos, fotografias, sons [fitas k-7], filmes [VHS, DVD, Betacam, U-matic] e outros)..